Notícias

Voltar

Governo coloca 16 regiões na bandeira vermelha no mapa prévio do Distanciamento Controlado

15/08/2020

O governo do Rio Grande do Sul classificou, nesta sexta-feira, 16 das 21 regiões na bandeira vermelha no mapa preliminar da 15ª rodada do Distanciamento Controlado. As áreas que, segundo o governo estadual, apresentaram piora nessa semana e representam alto risco para contaminação para o novo coronavírus foram: Uruguaiana, Guaíba, Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí, Santa Rosa e Caxias do Sul. Já Porto Alegre, Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Palmeira das Missões, Erechim, Passo Fundo e Pelotas permanecem com a bandeira vermelha.

As outras cinco regiões – Santa Maria, Lajeado, Bagé, Santa Cruz do Sul e Cachoeira do Sul – ficaram com a bandeira laranja, o que representa risco médio para o contágio para o novo coronavírus. Mais uma vez não houve área alguma classificada como bandeira amarela, de baixo risco de transmissão.

Nesta sexta-feira, o Rio Grande do Sul passou de 95 mil infectados pelo novo coronavírus. Desde março, ao menos 2.631 pessoas já morreram no Estado em razão da Covid-19. Com cerca de 8,6 mil casos ativos, o Estado tem 78,2% taxa de ocupação de leitos de UTI, conforme a Secretaria Estadual da Saúde.

Os municípios e associações regionais podem apresentar, até as 6h de domingo, pedidos de reconsideração, que serão analisados para que as bandeiras definitivas sejam divulgadas na segunda-feira.

Alternativas

Nesta 15ª rodada, as associações regionais, além de terem a opção de recorrer da classificação preliminar, poderão adotar protocolos menos restritivos dentro do que foi estabelecido no decreto de cogestão do Distanciamento Controlado.

Ambas as alternativas foram resultado do diálogo do governo com os municípios. “Estamos buscando ajustar o modelo a um novo momento, para melhor conciliar com a atividade econômica garantindo a proteção à saúde das pessoas”, explicou o governador Eduardo Leite nessa segunda-feira.

A adoção de protocolos alternativos não mudará as cores do mapa definitivo, que será divulgado após análise dos recursos pelo Gabinete de Crise. A vigência das bandeiras da 15ª rodada começa na meia-noite de terça-feira até a segunda-feira, dia 24.

Números da rodada

De acordo com os dados do governo estadual, o número de novos registros de hospitalizações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) de confirmados com Covid-19 reduziu 12% entre as duas últimas semanas, passando de 1.278 para 1.126. Já os internados em UTI por SRAG aumentou 7% entre as duas últimas quintas-feiras (897 para 958). O levantamento completo está dispnoível neste link.

O número de internados em leitos clínicos com Covid-19 no Estado reduziu de 975 para 964 (1%), o de internados em leitos de UTI com Covid-19 aumentou de 702 para 723 (3%), e o número de leitos de UTI adulto livres para atender Covid-19 diminuiu de 608 para 567 (7%) entre as duas últimas quintas-feiras.

Já o número de casos ativos ficou estável entre as duas últimas semanas (de 7.454 para 7.469) e o número de óbitos por Covid-19 reduziu 13% entre as duas últimas quintas-feiras (de 406 para 353).

As regiões com maior número de novos registros de hospitalizações nos últimos sete dias, por local de residência do paciente, são Porto Alegre (333), Caxias do Sul (159), Canoas (114), Novo Hamburgo (59) e Passo Fundo (81).

 

Com informações: correiodopovo.com.br

Panorama

Gostaria de receber mais informações do nosso portal por e-mail?

Assistência